25.7.2017

É assim que se faz:

Starbucks Customer Fighting Off Masked Robber With Chair Caught On Tape

Wilton Andretti Prof, eu sempre ouço essa história de não reaja, o que é correto ?
Olavo de Carvalho Avalie objetivamente a situação. That’s all.

*

O sobrenome da Dona Issa quer dizer “Jesus”. Mas deve ser pronunciado no exclamativo: Jesus!!!

*

Qualquer criança, sobretudo se estimulada a isso pela escola e pelo show business, pode aprender rapidamente as regras elementares da discussão retórica e criar do nada, por mero automatismo, argumentos e objeções a que seus pais não saberão responder.
Isso hoje é considerado um sinal de altíssima inteligência, mas na verdade é o princípio de um emburrecimento talvez definitivo.
A combinação formal de argumentos é um processo mecânico e a parte mais baixa da inteligência verbal.
Quanto mais vazios de conteúdo representativo real, mais facilmente os conceitos servem a essa atividade, na qual, simplesmente, palavra puxa palavra. A mente adestrada nisso prematuramente pode se tornar, para sempre, incapaz de deter o automatismo combinatório e parar para comparar as definições nominais com os conteúdos representativos colhidos na experiência e guardados na memória, estabelecendo uma ponte entre a verbalização e a apreensão não-verbal — o que é a essência mesma do processo cognitivo superior.

*

http://www.citizengo.org/pt-pt/pr/72437-somostodosgentilmartins?tc=fb&tcid=37988508

Não há mais o direito a uma opinião médica divergente ?

*

NENHUMA realidade chega ao nosso conhecimento sob a forma de palavras, mas de percepções. Mesmo uma conversa ou uma leitura se dão no espaço e no tempo, e não na esfera puramente verbal-abstrata. A chave da capacidade cognitiva é a CONVERSÃO do não-verbal em verbal, a qual é, a rigor, o OPOSTO do mero manejo de palavras e frases. Quanto mais prematuramente esse manejo é dominado, menor o interesse de operar aquela conversão e mais forte a tendência de permanecer na pura esfera verbal, sobretudo se isto rende algum aplauso.

*

Mais vale ensinar um menino a derrubar uma árvore, a construir um muro, a lutar ou a desenhar do que ensiná-lo a discutir. Todo conhecimento que não vem com o PESO DA REALIDADE é enganoso.

*

Minha sorte foi que aprendi a esculpir um cachorro ou um cavalo em barro com extremo realismo antes de me interessar por qualquer leitura ou discussão.

João Pedro Magalhães Camargo Boa Noite, Professor. Aproveitando o momento: assim como a poesia e o romance têm um papel específico na alma humana, qual é o papel do desenho e da escultura?
Olavo de Carvalho Ensinar a ver, comparar, memorizar e representar.
*
Fui desenhista, pintor e escultor muito antes de pensar em ser escritor.
*
Minhas realizações na arte plástica eram medíocres — nada mais que “acadêmicas” –, mas foram elas que ensinaram a minha mente a seguir antes a forma dos objetos do que a sua própria dinâmica interna.
*
Muito antes de que eu ouvisse falar de Auguste Comte, já havia aderido à sua máxima: “Régler le dedans par le dehors” = regrar o interior pelo exterior.
*
É apaixonante você evoluir, pouco a pouco, da simples representação exata de objetos corporais até à compreensão objetiva de uma situação humana, de uma alma, de um drama individual ou social.
*
As crianças, hoje, não são mais ensinadas a observar, guardar na memória e representar com exatidão, mas simplesmente a “botar para fora”, como quem caga, qualquer imagem idiota que lhes passe pela cabeça e que suas mãos, ao passá-la para o papel, deformam ainda mais, de modo que nem a objetividade é captada, nem a subjetividade é expressada corretamente.
Isso é uma escola de burrice sem igual no mundo.
*
O que as escolas hoje chamam de “criatividade” é uma concepção gastrenterológica da arte — com a diferença de que os cocôs não são deformados pelos cus.
*
Se você não consegue sequer desenhar um cocô, que é visível, como diabos vai “expressar seu interior”?
*
Colaboração da Vilma Campagnoli:
*
Sobre o vídeo do “Ciência de verdade”. É óbvio que o consumo de substâncias que liberam hormônios femininos não transformará todos os meninos em homossexuais, nem mesmo a maioria deles. A maioria desenvolverá outros sinais de virilidade deficiente, como a covardia e a mudança de voz, notáveis nos jovens hoje em dia. Os casos de homossexualidade serão uma parcela pequena no conjunto, mas, em todo caso, mais numerosos do que na geração anterior não afetada por essas substâncias.
Fernando Zéca Corinthiano o barbudo do vídeo lá, é adépto à terraplana. Essa turma é cheia de ideias verdadeiramente estranhas, que eles dizem chamar de ciência.
Olavo de Carvalho Até hoje só ouvi o rapaz dizer coisas sensatas.
*
 Há décadas o Richard Dawkins fala o diabo contra o cristianismo, e é aplaudido nas universidades. Bastou ele dizer umas palavrinhas contra o Islam, e foi vetado na Universidade de Berkeley.
*
A campanha anticristã da mídia, do show business e das universidades já alcançou, sem a menor sombra de dúvida, as proporções de um GENOCÍDIO CULTURAL, uma política de destruição simbólica, discriminação, marginalização e extinção.
*
No meu novo escritório, onde eu havia planejado dois banheiros, o empreiteiro disse que só dá para fazer um com duas portas, de modo a que todo mundo veja quem está cagando.
*
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s