12.6.2017

*

Depois de ter separado as crianças de suas raízes existenciais no passado histórico, na cultura nacional, na religião e na família, os George Soros e Bill Gates da vida tomam delas o último ponto de referência que poderia orientá-las no mundo: ninguém mais terá o direito de se considerar um menino só porque tem pinto ou menina só porque tem buceta. Só os filhos da elite poderão desfrutar desse privilégio.

*

Reduzir cada vez mais a margem do direitismo permitido, de maneira progressiva e inexorável, é uma das metas prioritárias de toda a grande mídia mundial. Nos EUA, basta ter votado em Trump ou apoiá-lo de algum modo para entrar na categoria da “extrema direita” — o que significa que 50 por cento dos americanos estão em vias de ser criminalizados como extremistas e terroristas em potencial, uma catalogação da qual estão isentos os muçulmanos, todos eles.
Quando, quando, começaremos a rotular a Fôia e o Grobo como jornais de extrema esquerda?

*

Eis como eles celebram o Ramadan:

https://apnews.com/45da20b998174508ae256e238f909911/Ramadan-toll-shows-Islamic-State-in-pitched-recruiting-race

*

Diálogo familiar:
O Isaac bateu a cabeça na pia, os pais ligaram para o médico, que pediu para averiguarem se uma pupila estava diferente da outra.
Quando o Pedro contou isso para a Roxane, ela respondeu:
— Mas é um olho só ou os dois?

*

O que o Alex Jones deveria ter respondido à Megyn Kelly na entrevista:
Ela: — Dizem que você é o maior paranóico da América. O que você acha?
Ele: — Eu não ligo para o que as pessoas dizem. Se ligasse, não estaria aqui ao seu lado queimando a minha reputação, pois sei o que dizem de você.

*

Jornalista profissional há MEIO SÉCULO, já entendi faz tempo que a última coisa que um entrevistado deve fazer quando entrevistado por um membro da CRASSE é deixar que ele emoldure a sua resposta ao formular as perguntas. Não se deixe enquadrar na visão-do-mundo dele, force-o a adaptar-se à sua. Corrija cada pergunta antes de respondê-la.

*

Um querido amigo meu, o Cel. Jorge Ribeiro, protesta contra o uso que faço do termo “golpe” para descrever o movimento cívico-militar que derrubou o presidente João Goulart em 1964. Mas o termo é correto. Uma revolução, conforme a defino reiteradamente nos meus escritos, é um movimento que tenciona remodelar a sociedade de alto a baixo mediante a concentração do poder. Golpes de Estado têm pretensões bem mais modestas. Eu seria o último a dar um sentido uniformemente positivo ao termo “Revolução”. Aliás não escolho os termos do vocabulário político pelas suas conotações agradáveis ou repugnantes, mas pela correspondência objetiva que suas definições tenham com o fenômeno designado. Não sou um treinador de cachorrinhos.

*

Segunda regra de segurança anal para os entrevistados da mídia: Se a entrevistadora é mulher e bonitinha, esprema-a mais ainda com piadas e paradoxos que a deixem sem jeito. Mulher encabulada fica ainda mais lindinha.

Jogos lógicos em cima das perguntas que ela faça.

*

Segunda regra de segurança anal para os entrevistados da mídia: Se a entrevistadora é mulher e bonita, esprema-a mais ainda com piadas e paradoxos que a deixem sem jeito. Mulher encabulada fica ainda mais lindinha.

*

E não se esqueça jamais do que disse o Marcello Mastroianni: “Nós, galanteadores, não nos ofendemos nunca.”

*

O Alex Jones tem razão: O New York Times simplesmente NÃO NOTICIOU o fato mais importante do depoimento do James Comey : o desmentido cabal do zunzum segundo o qual o Trump havia tentado bloquear a investigação sobre suas relações com os russos. Não há jornalismo NENHUM no NYT.

*

Com aquela voz de anjo vindo do céu, a breguice dos vestidinhos da Laura Bretan torna-a ainda mais adorável.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s