Instituto Boeborema

Algumas pessoas mudaram de verdade a minha vida; mais recentemente eu posso citar quatro nomes: Mateus Mota Lima, Pedro Augusto, Caio Perozzo e Sávio Mota.

Seguramente, dos alunos do Olavo, uns dos mais talentosos, genuínos e de coração puro. Gente que eu confiaria, de olhos fechados, a minha própria família.

Responsáveis, diretamente, pela minha conversão. De uma generosidade que fica até difícil expôr aqui na internet, geralmente um meio onde brincamos mais do que abrimos o coração.

Recentemente, através do Instituto Borborema, eles criaram um mini-documentário intitulado “Quem somos”. É o nosso meio se desenvolvendo a olhos nus.

Assistam. De verdade. Eles são um desses raros exemplos de quem, em silêncio, estuda para mudar as coisas por aqui. 🙂

Quando aquela apresentadorazinha da CNN, cujo nome esqueci, teve uma explosão de histeria diante de um entrevistado que fazia troça das famosas testemunhas anônimas, e exclamou: “Você não tem o direito de fazer pouco de repórteres estelares!”, para mim já ficou imediatamente claro que era tudo um teatrinho mambembe.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s